Newsletter nº 13

Dep. Indústria e Ambiente


Nivuflow stick

Nivuflow Stick - Novo medidor de caudal

Sistema de medição portátil e compacto para medição de caudal em linhas de água, como rios, ribeiros e canais.

  • Detecção completa do perfil de velocidades
  • Método de cálculo de descarga de acordo com a ISO 748:2021
  • Medição de nível hidrostático integrado
  • Cálculo totalmente automático do volume de descarga
  • Comunicação WLAN
  • Operação através de smartphone/tablet/laptop
  • Nenhum software adicional necessário
  • Memória para 1400 medições de descarga
  • Campo para notas com 300 caracteres
  • Autodiagnóstico dos sensores e da qualidade da medição

O sistema compacto pode ser facilmente transportado em qualquer carro e está pronto para uso em segundos. A operação via smartphone ou tablet torna as medições simples e intuitivas. Com um breve briefing, mesmo usuários que nunca trabalharam com este dispositivo podem realizar medições confiáveis e sem erros. O sistema não contém peças de desgaste e não requer manutenção. Todos os componentes são otimizados para o peso e presos de forma compacta à haste de retenção, o que torna o manuseio na água seguro e sem esforço.

Dep. Indústria e Ambiente


Monicon detetores para H2

A Monicon oferece uma linha completa de sistemas de deteção para a monitorização em continuo de hidrogénio.

A importância do hidrogénio, ainda que numa fase ainda embrionária nos dias de hoje, começa cada vez mais a ganhar terreno como opção de energia alternativa às energias provenientes de fontes de origem fóssil.

A utilização do hidrogénio oferece vantagens face a outras energias como os combustíveis convencionais. O hidrogénio tem uma elevada densidade energética, muito maior do que baterias ou condensadores e como tal pode ser armazenada por muito mais tempo sem perdas. Outras das vantagens do hidrogénio é que a sua queima não produz emissões poluentes o único subproduto produzido é água, sendo como tal uma energia que contribui indiretamente para a redução de emissão de gases com efeito de estufa.

O aumento da aceitação de tecnologias de hidrogénio (H2) contudo não é isento de desvantagens. Embora o hidrogénio funcione bem como combustível, apresenta um risco de explosão muito maior do que muitos outros combustíveis líquidos e gasosos. É extremamente inflamável em concentrações entre 4% a 75%. Como tal mesmo pequenas fugas podem ser causa de acidentes graves.

É necessário portanto a utilização de sistemas de deteção de forma a detetar fugas e assim dotar os sistemas de alarme e proteção para uma resposta rápida e fiável.

Uma das aplicações típicas da utilização de detetores de H2 é o armazenamento de energia elétrica em bancos de baterias. Estes bancos de bateria são usados para armazenamento da energia elétrica de forma a garantir a estabilidade da rede de fornecimento em determinados períodos.

Estas baterias utilizam chumbo ácido e são constantemente carregadas em locais de armazenamento. Estas baterias produzem hidrogénio gás durante o seu clico de carga que como referido é explosivo a uma concentração de 4% no ar. É aqui que os detetores de gás entram para garantir que o sistema funciona sem risco de explosão para as instalações e pessoas. Como esta ou em outras aplicações onde exista o risco de fugas de hidrogénio é essencial a monitorização em continuo de forma a garantir uma segurança permanente.

Dep. Químicos e Ferramentas

OKS 3711

Dep. Ar Condicionado


Pureline

Dep. Ar Condicionado

Dep. Sistemas de Gestão Técnica Centralizada

JGPG2016 Contactos Actualizado em: 08.Maio.2022   Utilizadores OnLine: 52     Total Visitas: 10050798 Política de Privacidade

Pedir Informações